fbpx
domingo, setembro 22, 2019

Bandagem Neuromuscular – O que é?

Colunista

Categorias

Compartilhar

Você já deve ter notado ao assistir qualquer evento esportivo, algumas fitas coloridas grudadas na pele dos atletas. Pois bem, hoje vamos falar sobre essas famosas fitas. O nome correto delas é Bandagem Neuromuscular, ou Bandagem Elástica.

As bandagens são muito utilizadas no tratamento fisioterapêutico em conjunto com outras técnicas especificas, para o tratamento de lesões e principalmente alivio das dores.

Sabemos que o esforço físico diário, pode criar problemas de contraturas, espasmos, restrições de fluxo sanguíneo linfático entre outros problemas. Nesses casos, quando aplicamos a bandagem sobre a pele em locais e disposições específicas, elas causam um efeito analgésico ao paciente devido à diminuição da pressão intersticial, ativando as funções naturais do organismo e nos ajudando a produzir substâncias como a endorfina e a encefálica. Ela irá melhorar a dor, a circulação sanguínea e linfática, estimular a propriocepção e a consciência corporal, corrigir desalinhamentos articulares, melhorar a amplitude de movimento e diminuir o espasmo muscular.

Dessa forma, a utilização da bandagem apenas acelera os processos que o corpo faria naturalmente promovendo recuperação mais rápida sem a necessidade de medicamentos ou outras ações invasivas e que costumam gerar consequências além do efeito que desejam provocar.

- Propaganda -

A bandagem elástica não limita a movimentação corporal, o que é considerado seu maior benefício em relação às bandagens rígidas. Somado a esse fator, ela é a prova d’água, sendo assim não é necessário retirá-la para tomar banho e ela pode ser utilizada em esportes ou atividades de lazer que envolvam o meio aquático. Tudo isso contribui para que a durabilidade da bandagem seja maior, podendo durar de três a cinco dias.

E o melhor de tudo? Essa é uma técnica que pode ser utilizada por qualquer pessoa. Desde que aplicada por um profissional capacitado, os resultados serão excelentes.

Colunista

Entre em contato com o Colunista pelo Whatsapp.
Powered by